Diário de Viagem – Parte 2: Visitando Santorini (Grécia)

Olá, pessoal…demorei, mas voltei.

Fiquei tão feliz que vocês gostaram da primeira parte do meu Diário de Viagem!! Várias pessoas comentaram comigo que estavam super ansiosas para saber mais sobre as minhas férias na Europa. Obrigada a todos que pararam alguns minutinhos para ler e estão acompanhando os posts. ❤

Antes de começar a falar sobre Santorini, gostaria de fazer uma atualização sobre o item passaporte. Fiquei sabendo no fim de semana passado que o governo acabou de mudar alguns aspectos do documento para brasileiros no exterior. 1) O design ficou bem diferente e, digamos, menos formal do que o antigo (veja na foto abaixo). 2) O valor para emitir o passaporte agora é R$ 257,25 – cem reais a mais – preço que não sofria alterações desde 2006. 3) A validade passa a ser de dez anos, ou seja, o dobro do tempo da modelagem anterior. Importante lembrar que se você tem o passaporte antigo, assim como eu, pode continuar utilizando até o fim do prazo de validade.

Novo passaporte brasileiro - 2015. Foto: divulgação.

Novo passaporte brasileiro 2015. Foto: divulgação.

Falando em passaporte, preciso contar o quanto eu tive que usá-lo até chegar ao meu primeiro destino! É necessário apresentar o documento toda vez que se entra ou sai de um aeroporto, e no meu caso foram muitos! Saímos de Guarulhos (São Paulo), fizemos uma escala em Frankfurt (Alemanha) e outra em Atenas (Grécia) até chegar ao aeroporto de Santorini.

As companhias aérias que utilizamos foram Lufthansa e Aegean Airlines, ambas muito boas. Achei que o atendimento e serviço de bordo foram bem adequados, e o mais importante, a comida era bem gostosa (hahaha). O avião para chegar até a Alemanha foi um Boeing 747 da Lufthansa, com televisões individuais para passar o tempo durante o voo. Haviam 100 opções de filmes (alguns bem atuais, por sinal), 30 canais de rádio, algumas séries de TV e outras funcionalidades. Apesar de tantas alternativas, acabei assistindo novamente a trilogia “O Hobbit”, como boa amante da Terra Média. Também vi “Livre”, o último longa da Reese Witherspoon que concorreu ao Oscar como melhor atriz. Me surpreendeu a brilhante atuação dela em busca de seu lugar no mundo! Mas vamos parar de falar de filmes e retornar ao passeio…

Não vou mentir, a viagem é bem cansativa, mas com certeza vale a pena! Como já previa isso, o Luiz me deu uma linda almofada de pescoço da Capricho de presente (obrigada, amor, adorei!). Ela tem uma estampa floral e função massageadora. Mas o que era para ser um item relaxante durante a viagem, acabou se tornando um pequeno atraso nos aeroportos. É que toda vez que passava pela revista antes de embarcar, a almofada era barrada por causa do sistema de massagem dentro dela. Portanto, fica a dica: prefira almofadas de pescoço sem massageador na hora de viajar para fora! Tá certo que a função te deixa bem relaxada nos voos, mas ter que parar toda hora para explicar no aeroporto é meio chatinho.

almofada

chegada tão esperada 

Depois de aproximadamente 15 horas de voo, chegamos a Santorini! O aeroporto da ilha fica em Fira (igualmente conhecida como Thira), que também é a capital. Mas como resolvemos nos hospedar em Oia (pronuncia-se Ia), alugamos um carro pela Europcar (pela internet, aqui do Brasil mesmo) para chegar mais rápido e conhecer melhor o lugar.

Ficamos hospedados por 3 dias no Vrachia Studios & Apartaments , um dos hotéis mais lindos que já vi, ganhando pela simplicidade e vista maravilhosa. Ele fica meio isolado de tudo, bem na parte costeira de Oia. Imaginem acordar com uma vista dessas! Tem como não pensar que está no paraíso? A praia é realmente maravilhosa: cheia de pedras, diferentes tons de areia e mar com um azul sem igual…

Vrachia Studios & Apartments

Vrachia Studios & Apartments blog what about now?

Vista do nosso quarto no hotel

Vista maravilhosa do nosso quarto

IMG_3067

DSC_0289

Vrachia Studios & Apartments blog what about now?

IMG_3075

Parte da região costeira de Oia em frente ao nosso hotel

IMG_3076

Eu e a mamãe!

Eu e o Luiz

Eu e o Luiz!

DSC_0267

Um hotel que fica no meio das rochas da praia

Achei lindo esse hotel que fica no meio das rochas da praia

Para chegar até lá é preciso descer totalmente a ilha, passando por estradas bem estreitas e não muito iluminadas de noite. Para quem não sabe, a ilha de Santorini é resultado do que restou de uma erupção vulcânica gigantesca ao sul do Mar Egeu. Isso mesmo, a cidade surgiu no meio de vulcão…por isso existem tantos penhascos e pontos altos.

Como chegamos por volta das 18h do horário local, deixamos nossas coisas no hotel e fomos para o centro de Oia para o jantar. De carro dá aproximadamente uns 7 minutos até chegar no ponto mais lindo da cidade, com as típicas casinhas brancas e igrejas de telhados azuis.

santorini grécia blog what about now?

DSC_0165

DSC_0197

Pausa para selfie em meio a essa paisagem única

Pausa para selfie em meio a essa paisagem única

Na parte de cima dessa paisagem tem uma avenida gigante, cheia de lojas e restaurantes maravilhosos. Foi ali que ficamos a maior parte do tempo passeando, comprando e saboreando a gastronomia grega.

Óia Santorini Grécia blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Óia Santorini Grécia blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

spaço privado para fotos de casamento

Espaço privado para fotos de casamento

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Tradicionais lembrancinhas de Santorini

Tradicionais lembrancinhas de Santorini

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

O lugar que mais gostamos de comer foi uma taverna chamada Thalami Tradicional Tavern . A comida era bem apresentada, com um gostinho bem caseiro e temperada na medida certa.

Falando em comida, existe um prato muito tradicional na Grécia que a-m-e-i experimentar: o kebab – que não tem nada a ver com aquele churrasco grego que vemos pelas ruas de São Paulo. A iguaria é basicamente uma massa fina recheada com uma carne bem temperada e caseira, batata frita, tomate e um molho branco muito gostoso, mas que não soube identificar bem a mistura. Só sei que era muito bom!!!

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Nosso jantar no primeiro dia em Santorini

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Restaurante que vende o melhor kebab de Oia

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

O famoso kebab grego!

O famoso kebab grego!

Doceria de Óia

Doceria de Oia

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

Sem dúvidas, o pôr do sol é o momento mais aguardado pelos turistas em Oia, isso porque a vila é famosa por ter o entardecer mais lindo do mundo. Não é para menos, certo? Mas o horário é bem diferente daqui do Brasil. Só começa a anoitecer por volta das 19:30/20:00 da noite, o que faz os dias durarem muito mais na Europa.

Por do sol em Óia - Santorini

Turistas se reúnem para apreciar o pôr do sol em Oia – Santorini

Óia Santorini Grécia Blog What About Now?

E aí, o que estão achando de Santorini? Como já me prolonguei demais neste post, vou deixar para falar sobre Fira em uma próxima parte, ok? Aguardem as aventuras seguintes!

Beijos 🙂

Para rever a Parte 1 do Diário de Viagem, é só clicar aqui.

Anúncios

4 comentários sobre “Diário de Viagem – Parte 2: Visitando Santorini (Grécia)

  1. Se antes eu já queria conhecer Santorini, imagine agora? rsrs Posso tirar 2 dúvidas?
    Como você fez pra se comunicar em na Grécia? Eles entendem inglês?
    Sobre o preço das coisas (restaurantes, lembrancinhas etc) é muito caro ou não?
    Pronto, parei de perguntar… rs
    Estou gostando do diário e já quero o próximo post, poderia ser todo dia né? Beijos Amandinha : )

    • Erikinha!
      Que bom que gostou desse post também!
      Vou te responder por aqui, mas ainda vou falar sobre isso na parte 3! Hahaha eu gostaria que fosse todo dia também, mas infelizmente não tenho esse tempo precioso!
      Sim, a extrema maioria usa o inglês para se comunicar com os turistas e alguns ainda sabem um pouco de espanhol.
      Então, sobre o preço das coisas, não chega a ser tão caro, o problema é quando fazemos a conversão para o real, já que o euro subiu muito nos últimos tempos! Mas eu achei a Grécia com valores mais acessíveis que a Itália.
      Aguarde o próximo que ainda tem muuita coisa!
      Beijinhos…Amanda Carbonera

  2. Ai Amandinha!
    Muito perfeito esse diário de viagem!! To aprendendo um pouco pois logo logo pretendo ir ao Japão e visitar a Europa também, principalmente a Itália como homenagem ao meu paizinho!

    Você está de parabéns pelo blog.
    Estou ansioso por mais posts
    Beijos Lê

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s